domingo, 16 de julho de 2017

Caso Cova da Moura (esquadra de Alfragide): Mamadou Ba vs Susana Garcia


Via Vox Populi (YouTube)

     Susana Garcia, advogada, leu a acusação que o Ministério Público fez aos 18 agentes da PSP da esquadra de Alfragide e sustenta que a mesma não tem fundamento Jurídico, porque só foi ouvida uma das partes... e também porque se assume que, havendo discrepâncias nas declarações de dois agentes, TODOS os outros mentiram!

10 comentários:

Anónimo disse...

Nada que não se soubesse, o sos 'rassisismus é nada mais nada menos que uma organização anti-portuguesa, anti-branca financiada com os nossos impostos para oprimir os nativos desta terra. Já se sabia que com a chegada do poder do Be pcp e aliado ao ps, a coisa só tenderia e ficar mais terceiro mundista.

ass- FuasRoupinho

Afonso de Portugal disse...

A propósito de nos oprimir com os nossos próprios impostos, o caro Fuas Roupinho passe pela paágina do Facebook do PNR e veja a quantidade de dinheiro dos contribuintes que já foi entregue ao Mamadú... vai ficar chocado!!!

https://www.facebook.com/PNR.Partido.Nacional.Renovador/

Leitora disse...

kkkkkkkk
"o que vc falou ta envolto em preconceito com os negros".
É 100% perda de tempo tentar debater com um "jovem" ou tentar fazê-lo entender alguma coisa
basta dizer uma verdade q eles dizem: "ISSO É RACISMO!"
e é claro, assassinatos, estupros, invasões, roubos, agressões violentas não são nada assim tão ruim, o ruim mesmo é o "racismo" de quem acha isso ruim

Afonso de Portugal disse...

Leitora disse...
«É 100% perda de tempo tentar debater com um "jovem" ou tentar fazê-lo entender alguma coisa
basta dizer uma verdade q eles dizem: "ISSO É RACISMO!"
»

É verdade, mas a culpa não é só deles... é sobretudo dos brancos traidores que criaram as actuais condições e também dos brancos negligentes que permitiram que chegássemos a este ponto.

Leitora disse...

E na verdade, o negro repete o que o judeu ensinou pra ele. Foi um judeu que inventou o conceito de racismo. Tem uns judeus realmente *xingamento aqui*. Acho que inventaram pra eles mesmos, mas isso acabou se estendendo pro negro, que agora já sabe o que dizer sempre que for confrontado por suas animosiddes: racismo, racismo! que nem o judeu ensinou.

Raghnar disse...

Gostei imenso da senhora, irrepreensivelmente argumentado, como é bom de ver pela resposta da ignorância sobre "tecnicidades". A contra-argumentação? Pois é "racismo" e acabou-se o "debate"...

Afonso de Portugal disse...

Leitora disse...
«E na verdade, o negro repete o que o judeu ensinou pra ele.»

Isso não sei, só sei que o conceito de racismo é altamente tóxico. Defender a nossa raça e a sua preservação é perfeitamente legítimo. Mais do que isso, é inteiramente desejável. A miscigenação é a maior aberração que existe, um crime contra o povo e contra a própria natureza.


Raghnar disse...
«Gostei imenso da senhora, irrepreensivelmente argumentado, como é bom de ver pela resposta da ignorância sobre "tecnicidades". A contra-argumentação? Pois é "racismo" e acabou-se o "debate"...»

É verdade! E não se pense que isto é apenas pelo facto de o Mamadou ser um asno, sem ofensa para os asnos. Por exemplo, hoje tivémos mais um "escândalo", com o André Ventura, candidato à câmara de Loures pelo PSD, a dizer uma verdades acerca dos ciganos. A imprensa "tuga" caiu-lhe em cima com toda a força... mas argumentos, népias!

Numa época em os "fact checks" estão na moda, porque é que ainda nenhum dos nossos mé(r)dia fez um a dementir as afirmações do candidato? Será que -oh, o horror- será que não é possível desmenti-lo? ;)

Raghnar disse...

http://www.dn.pt/portugal/interior/nao-estamos-a-lutar-so-contra-18-policias-mas-contra-todo-o-sistema-que-perpetuou-esta-violencia-8641567.html

Há que pelo menos reconhecer a honestidade dos "jovens oprimidos", não escondem ao que vêm, não estão a lutar contra os "18 polícias" mas contra TODO o sistema que "perpetua esta violência".

Resumidamente, assumem estar ao serviço de quem pretende destruir a sociedade ocidental que Scruton definiu sucintamente no último vídeo que publicou. Merecem-me mais respeito que a nossa classe política, por exemplo...

Afonso de Portugal disse...

Raghnar disse...
«Resumidamente, assumem estar ao serviço de quem pretende destruir a sociedade ocidental que Scruton definiu sucintamente no último vídeo que publicou. Merecem-me mais respeito que a nossa classe política, por exemplo...»

Sim, sim, é sempre louvável quando as pessoas assumem aquilo que querem, embora no caso deles deva ser mais por falta de inteligência do que propriamente por nobreza de carácter. Por outro lado, já li nalgum lado que um dos "jovens" tirou um curso superior ligado às "ciências sociais"... portanto, não será de admirar se os "jovens" estiverem apenas a papaguear o que um deles aprendeu na "escola"!

Obrigado pelo link!

Raghnar disse...

Heheh, é sempre o diabo tentar avaliar as motivações individuais, mas sem dúvida deve ser o primeiro motivo. Deve se estar a referir aqueles "jovens" que acabam o ensino "superior" sem conseguir articular uma mera frase em português correcto (mesmo na aberração actual que recuso adoptar ou sequer conhecer). É que já lidei com alguns e algumas (esta é por hoje estar politicamente incorrecto e parece que já não se pode dizer pois "discrimina" os LGBTQXYZ)...